Diversas vezes ouço de clientes: “Poderia justificar os textos do site por favor?”. É comum e natural, textos alinhados estão presentes na maioria de nossas leituras: jornais, revistas, livros e vários outros impressos.

Como funciona o texto justificado?

O texto justificado insere espaçamentos entre as palavras de forma a preencher as colunas de forma homogênea.

Imagem comparando texto alinhado à esquerda e justificado.

Quando o texto justificado é uma boa prática?

No caso de impressos, o uso desse ‘recurso’ facilita a organização e legibilidade do material criando grandes blocos visuais de conteúdos.

Jornal Folha de São Paulo e Revista Istoé utilizando-se de textos justificados em suas páginas

É importante levar em conta que os softwares para materiais impressos utilizam-se de vários recursos (espaçamento diferente entre as palavras e letras, uso de hífen quebrando as palavras ao meio, balanceamento de fontes mais finas ou largas) que evitam os grandes espaços em branco entre as palavras.

Quando o texto justificado é uma má prática?

Nossos olhos se comportam de forma diferente no caso da leitura em sites. Ler em dispositivos digitais, como os monitores de computador, é muito mais difícil e menos cômodo que ler em materiais impressos.

Diferença entre a leitura no computador e no papel, utilizando-se do dedo para referenciar.

Na web, seu fluxo de leitura e posicionamento acontece naturalmente com os olhos, você não utiliza o dedo para se posicionar - às vezes nos aproveitamos do ponteiro do mouse, mas ainda assim não é tão efetivo - e por mais que imperceptível, a tela pisca intermitentemente causando desconfortos.

Os grandes blocos uniformes tornam sua tarefa de ir à próxima linha mais difícil, uma vez que o fim da mesma não possui uma referência fácil de ser visualizada e os grandes buracos entre as palavras, causadas pelo espaçamento, tornam a leitura descontínua, pausada e consequentemente mais lenta.

Sendo mais criterioso e pensando em tipografia...

As fontes são especialmente desenhadas levando em conta milimetricamente o espaçamento entre as letras e palavras de forma a oferecer uma leitura e um visual agradável. Ao justificar, toda essa 'atenção’ é descartada.

Detalhes da anatomia de uma tipografia

Imagem: TypoHile

Conclusão

Justificar texto é uma prática comum e assertiva no caso de livros, jornais, revistas e outros impressos, onde a ideia é criar blocos visuais de conteúdos e facilitar sua organização.

Porém, para a web, onde a formação desses blocos é dinâmica por formatos e dimensões diferentes de navegadores e a leitura é feita sem o auxílio das mãos, a regra geral é não justificar os textos e mantê-los alinhados normalmente à esquerda.

Referências

Leituras complementares